Devaneios

Quando das ruas velo a lama
lavada por caminhões pipa
vôo em papagaios de 20 toneladas
e choro esguichos de 20 litros por segundo

hipertexto riscado no pó da terra
com a ponta do dedão do pé
escrito no chão
lido no céu

Socorro!

Lido com resmas de papel
faço aeronaves e garças
um morto, um vivo
ambos objetos voadores identificados.

Anúncios
Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s