Do manual do cafajeste

Hoje na internet li um texto que me caiu como um tapa na cara… transcrevo um trecho abaixo:

"Com uma certa maturidade, começamos a ver que um relacionamento só deve ser terminado diante da impossibilidade do mesmo, vejo muita gente com medo de se aventurar, de arriscar perder o antigo ou por medo de acabar sofrendo tudo novamente, a essas pessoas eu desejo minha piedade, tenho pena por não se permitir sorrir ou chorar, enfim.. viver.. A vida é feita de simples escolhas e aventurar-se é permitir-se escolher qualquer uma delas, sem se preocupar com o resultado, pensando apenas em aproveitar todo seu momento, de outra forma, seria melhor nos matar, com medo de adoecer".

Anúncios
Esse post foi publicado em Comportamento. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s