Qual o tamanho da alienação de nossa juventude?

v

Nas ultimas semanas venho acompanhando as notícias e tentando entender a cabeça e as atitudes dessa nossa tão alienada juventude e posso adiantar que não me fazem sentido seus gostos, quiça suas manifestações.

Nas redes sociais, somos fuzilados diariamente pelos milhares de posts reverenciando os memes da moda, onde, mesmo que não precise, posso citar, entre eles, a delicinha da Luiza que já voltou do canadá, e a qual aguardo e torço ansiosamente pelos seus 18 anos e provável aparição em alguma revista masculina.

Convites para festas, shows… trechos da letra da nova musica do sertanejo “ruiniversitário”, videos de piadas, canções, comediantes, programas de televisão e de um atentado violento ao pudor que acabou virando piada, com a máscara de falso estupro, mesmo que tenha sido veiculado em rede nacional… e o pior: ainda aumentou o Ibope do Show de falsa realidade Big Brother Brasil.

Dentre tanto lixo, foram pouquissimas as manifestações de informações realmente importantes como, inicialmente o projeto de lei norte americano S.O.P.A. que, resumidamente buscava implementar a censura na internet, em favor das grandes corporações da chamada indústria cultural e do entretenimente, sob o disfarce de defesa dos direitos autorais.

Importantes sites, como Google e Wikipedia, em protesto e apelo à opinião publica mundial fizeram um apagão de seus serviços pela causa da liberdade da informação.

O assédio da indústria do entretenimento foi tamanho que culminou com o fechamento do site de compartilhamento MEGAUPLOAD, pelo FBI, uma espécie de polícia federal dos Estados Unidos, sem se preocuparem com as recordações de cidadãos comuns, como albuns de famílias, videos de casamento, primeiros aniversários, e tantas outras manifestações perdidas, já que estavam armazenadas e compartilhadas no referido site, sob o formato digital.

kim dotcom 01

Seu Fundador, Kim Schmitz, conhecido como Kim Dotcom (ou o análogo em português a Kim “PontoCom”), foi preso, assim como vários de seus executivos.

Apartir deste momento, iniciou-se um momento histórico. Chamado por alguns de a 1ª guerra mundial virtual, o ataque iniciado por um grupo hacker conhecido por “ANONYMOUS”, conseguiu derrubar importantes sites da infraestrutura norte americana, dentre eles o site do departamento de justiça e do próprio FBI.

Após os ataques, o senado americano emitiu comunicado de que a votação do projeto de lei SOPA estaria adiado, indefinidamente.

O fechamento do MEGAUPLOAD tomou ares de conspiração quando foi divulgada a intenção do site de se tornar uma gravadora em defesa dos direitos dos autores, repassando aos criadores 90% da renda obtida com a comercialização da obra, e garantindo que aqueles que divulgassem suas criações gratuitamente seriam ainda mais bem remunerados. Um afronta sem precedentes ao atual modelo das grandes corporações e sua absoluta falta de competencia no desenvolvimento de um novo modelo.

Acontecimentos importantíssimos que se passaram e muitos dos jovens, viciados em redes socias, sequer tomaram conhecimento dos riscos pelo qual passa atualmente a liberdade de sua tão amada internet. Quase ninguém se manifestou a respeito, poucos foram os que divulgaram e menos ainda aqueles que buscaram se informar a respeito dos eventos citados… mas o melhor do melhor do mundo continua um SUCESSO!

Um pouco mais próximo de nossa realidade, podemos citar ainda o caso de Pinheirinhos, comunidade de São José dos Campos/SP de proximadamente 6000 pessoas, que invadiu habitava um terrendo abandonado de posse do bandido magnata Naji Nahas, que já foi condenado, preso, mas nunca perdeu sua influencia junto à política brasileira. Segundo o delegado e deputado Protógenes Queiróz, responsável pela prisão de Nahas, afirma que o bandido é o maior interessado na desocupação.

O video da violenta ação policial (abaixo) gerou revolta e foi divulgado no mundo todo, o que é uma vergonha para o povo brasileiro, que reune milhões de pessoas em manifestações religiosas e paradas gays país afora, mas é incapaz de se organizar para uma luta contra as injustiças e a corrupção.

A VERGONHOSA desocupação da Comunidade de Pinheirinhos

Por outro lado, por incrível que possa parecer, as redes sociais, por mais alienadoras que possam ser, também podem se tornar  a maior das armas na organização e combate às injustiças. bastando apenas que cada um compartilhe, divulgue e participe das ações populares que apoiem causas realmente importantes.

Então rapaziada, por favor, provem que estou errado. Fodam-se o BBB e a Luiza e se lembrem de Gabriel O Pensador: “até quando você vai ficar levando porrada?”.

Anúncios
Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Qual o tamanho da alienação de nossa juventude?

  1. djalma luiz f de almeida disse:

    O psdb desde o primeiro governo federal deixou o brasil, minusculo mesmo, podre, na area de justiça os deputados que fazem as leis, são jader barbalho, alvaro dias, vaccarezza, renan calheiros, acm neto, onde estamos?? Aqui em sao paulo, estamos com esse xuxu, que na realidade é um nabo nos paulistas, a imprensa protege e não tem como mudar isso????
    Socorro, jovens, vcs podem, parem de pensar na sexta feira para encher os cacos enquanto isso a mafia dirigente do brasil tá enchendo o saco….cueca, meias, mala etc, espaço para grana não falta..falta vergonha na cara dos nossos eleitores…

    • Olavo Campos disse:

      Tem toda razão Djalma… só queria que a minha voz fosse ouvida por mais pessoas! se vc puder, divulgue esta matéria pois acredito que é dever de cada cidadão tentar informar, por que se ficarmos esperando a reação da televisão, tá todo mundo f…..! abração e obrigado por comentar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s